segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Dia dos pais

Se existem 5,5 MILHÕES de crianças sem o nome do pai no registro, imagine a quantidade de homens que só serviram como contribuidores de sêmen. Imagine a quantidade de "pais" que abortaram sem sofrer nenhum tipo de consequência física ou psicológica, nem morreram. Imagine a quantidade de "pais" que o máximo que conseguem fazer é pagar uma pensão e ir tirar onda de bom pai passeando no final de semana. Imagine a quantidade de "pais" que acham que ser pai é ajudar de vez em quando nos fazeres domésticos e na própria educação do filh@, julgando-se mais que suficiente. Parabéns aos pais, que compreendem minimamente essa palavra e que não acham que são algum tipo de herói por fazer algo que milhares de mulheres fazem todos os dias sem serem consideradas heroínas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário